Eu li: Sejamos todos feministas

Em Sejamos Todos Feministas, Chimamanda tece alguns ocorridos em sua vida e na vida de conhecidos próximos que a fizeram refletir sobre a sociedade machista em que estamos inseridos. Ela rebate as criticas ao feminismo demostrando que ser feminista não é odiar os homeSEJAMOS_TODOS_FEMINISTAS__1421353639414193SK1421353639Bns, nem muito menos deixar de se depilar e querer mandar nos homens, ser feminista é reconhecer que existe diferença de gênero e lutar pelo fim desse sexismo.

Os relatos de casos são jogados para o leitor como uma forma de esclarecer os pensamentos da autora. A formação do texto em si é um pouco incômoda, pois muitas vezes os assuntos são encerrados de maneira brusca para logo começar outro exemplo. Entendo que esse livro é uma adaptação de uma palestra e que essa estranheza que me causou possa ser fruto dessa conversão de formatos, mas não poderia deixar de mencionar.

Sejamos Todos Feministas é um livro para ser lido por todas as pessoas, como o próprio título sugere, independentemente se você é homem, mulher, feminista ou acha que as mulheres já conquistaram muito. Lutemos todos pelo fim da desigualdade de gênero.

4 comentários em “Eu li: Sejamos todos feministas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s